8 anos hoje e 1 ano amanhã

Em todos os nossos aniversários e datas especiais a Pri tem uma mania engraçada, ela sempre (mas sempre mesmo) me pergunta: “Você imaginava que íamos chegar até aqui?” e eu sempre respondo que “sim, sempre soube”.

Obviamente, eu não faço ideia de nada que vai acontecer, alias faz anos que prefiro viver o presente do que fazer milhões de planos para o futuro e imaginar como sera daqui a 10 anos sabe? Para mim é muito difícil fazer esse tipo de plano, fazer poupança, previdência privada, tudo essas coisas…me soa longe demais. Se eu male male faço promessas de ano novo né, imagina se conseguiria pensar em um namoro tão longo.

A gente começou a se relacionar no fim de um namoro meu, estava a 4 anos e meio com uma outra pessoa. Já meio desiludido dessa vida e sinceramente, eu achei que teríamos um namorico só . Mas ó que sorte a minha, eu tava bem errado né.

aniversario_pri_-geni-023

Nossa primeira foto juntos ❤

Essa baixinha entrou na minha vida com os dois pés na porta, me mostrou o amor cafona e grudento, me fez raspar a cabeça, me incentivou quando resolvi me cagar de tatuagem, me ajudou e brigou comigo quando precisava e mais recentemente até me deu um filho, ceis já viram foto dele? querem que eu poste mais? hahahaha

É tão doido pensar em tudo que já passamos desde aquele primeiro dia, em quantas aventuras já passamos juntos, nos amigos que fizemos nesse tempo, nas pessoas que se foram e nas que simplesmente perdemos contato, nos shows que vimos juntos, nos quilos que ganhamos e perdemos, e principalmente ver o quanto nós mudamos como pessoas. Até mudamos de casa né! Amanhã, conhecido também como dia 05/02 faz 1 ano que nos mudamos para a nossa casinha, saímos da casa dos nossos pais para nosso cantinho que (como ela mesmo postou) transborda amor.

Agora eu te pergunto, dava pra imaginar tudo isso?

Vendo essa nossa primeira foto, eu nunca iria imaginar que você ia aceitar seu cabelo cacheado e que você ia ficar linda assim! Como ia imaginar que nosso filho seria tão especial? A gente nem imaginava sermos pais de menino! E Como eu ia imaginar que passei a vida inteira falando em sair de Guarulhos e que sentiria esse amor e alegria plena morando aqui mesmo e num prédio de 5 andares sem elevador?

15940954_10208201240103249_1286983739762652236_n

Bom, não consigo imaginar muita coisa daqui pra frente, mas posso dizer que sinceramente não consigo mais imaginar que exista vida sem você!
Obrigado por tudo isso!

TE AMO e não é pouco não!

assinatura Sha

Publicado em We | Deixe um comentário

Fevereiro

Ha exatamente um ano atrás, eu acordava chorando, meu coração explodia de amor e eu não conseguia controlar minhas lagrimas. Era real oficial, o Valentim iria chegar no mês de fevereiro.
Minha gestação chegava na 38º semana e eu poderia entrar em trabalho de parto a qualquer momento, consigo até me lembrar de toda a emoção que sentia naquele 01/02/2016.
O Valentim estava previsto para chegar em torno do dia dez, mas ele esperou a gente curtir o carnaval e só quis saber de vir para o nosso colo no dia vinte, eu já não me cabia de tanta ansiedade.
Lembro de um dia antes do Tim Tim nascer, eu falei para o Sha que daria tudo certo e que nós iriamos tirar a maternidade de letra. Obviamente eu estava enganada, a maternidade é muito mais difícil do que eu esperava, ela não da folgas, é um trabalho sem fim, com poucas horas de sono e com muito cansaço.
Na mesma proporção que a maternidade é exaustiva, ela traz o maior amor que poderíamos sentir, é cada risada gostosa que salvam nosso dia, aquele beijo babado que repõe nossa energia, a fofura de encontrar um brinquedo que ele guardou na minha gaveta de calcinhas, a felicidade em ver ele comendo saudavelmente e a sensação de estar fazendo um bom trabalho quando vejo ele correndo por todos os cantos da casa.

Fevereiro é o mês do amor, completamos 8 anos de companheirismo, 1 ano morando juntos e 1 ano sendo a mãe e o pai do Valentim.

Ha exatamente um ano atrás, nós não poderíamos imaginar na aventura que estávamos entrando.

Processed with VSCOcam with f2 preset

IMG_1240

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

Melancia.

Sábado por aqui é dia de feira, dia de cumprimentar nossos amigos feirantes, dia de comer pastel e tomar caldo de cana, dia que o Tim Tim come pêssego, goiaba, manga e devora tudo o que ganhar, dia de reabastecer a geladeira e a fruteira, dia de fazer suco de melancia.
Uma das minhas frutas favoritas é a Melancia, comia muito quando estava grávida e o Tim Tim esta indo pelo mesmo caminho que o meu, ele se esbalda.
O dia estava tão quente e oferecemos uma nova experiência, com muita lambança, textura e sabor.

Valentim e seu pedaço de Melancia.

 

 

0102030405060708091011121314

 

IMG_1240

Publicado em I Like Food | Deixe um comentário

Um ano mais leve.

Assim que o ano virou, vi muitas pessoas escrevendo sobre suas metas para o ano que se iniciava, tantos planos e sonhos, que no meio de todas aquelas informações vi uma pessoa que questionava o porque das pessoas esperarem o ano mudar para fazerem planos e colocar em prática, sendo que todos os dias são novos e podemos nos transformar todos os dias.
Quando um ano novo começa, é um ciclo novo que se inicia, é um livro novinho em branco que podemos escrever, é uma energia boa que nos motiva a fazer algo diferente, acredito que seja uma oportunidade incrível para termos força de colocar em prática atividades que nos farão mais felizes.
O ano de 2016 foi pesado para muita gente, mas para nós foi transformador, de grande aprendizado e certamente nos tornamos imensamente mais felizes.
A decisão de sair do meu emprego não foi algo fácil, mas deixar minha carreira de lado para me dedicar integralmente na criação do meu filho me dava a sensação de liberdade.
Nós crescemos em uma sociedade que nos ensina que se a gente trabalha, nós seremos felizes e para isso aos 17 ou 18 anos somos forçados a escolher uma profissão, mesmo que a gente nunca tenha trabalhado, mesmo que nunca tivemos grandes experiencias que nos oriente qual caminho seguir e mesmo sem saber o que gostamos ou não, é necessário fazer uma faculdade para formamos uma carreira profissional.
Na minha cabeça eu teria que escolher um curso e trabalhar com aquilo para sempre, eu não queria falhar nessa escolha e desistir no meio do caminho seria fracasso.Obviamente o meu medo se tornou realidade, eu não conclui minha faculdade de nutrição e no ano seguinte eu iria começar a estudar psicologia.
Eu fui feliz na minha escolha de profissão, eu gosto de ser psicologa e amei trabalhar na área organizacional, onde desenvolvi muitos colaboradores e identifiquei o perfil de tantos candidatos para diversas vagas que trabalhei.
Porém de todas as pessoas que conheço, poucas trabalham com o que se formaram e menos ainda são aquelas que são felizes em suas áreas, parece que sempre esta faltando algo.

Mas o que estou querendo dizer com tudo isso?
Eu passei a minha vida com medo de arriscar, com medo de dar errado, com medo de não ter uma excelente carreira profissional, que acabei me privando dos meus sonhos, dos meus desejos e sempre estava empurrando algo que eu gostaria muito de fazer para o depois. Depois que tivesse um cargo melhor, depois que eu tivesse um salário maior, depois que eu permanecesse mais que 4 anos na mesma empresa, depois de tanta coisa acontecer antes.
Quando me tornei mãe, por mais que seja extremamente difícil essa tarefa, minha vida se tornou mais leve, eu passei a dar importância as pequenas coisas, aos passeios mais simples, os raros encontros com as pessoas que amava, minha alegria diária em poder ver meu filho se desenvolver e a minha necessidade em ser plenamente feliz todos os dias e não só aos finais de semana.
Se eu tivesse a cabeça que tenho hoje e a certeza dessa leveza que quero levar minha vida, eu teria me arriscado mais, eu teria viajado mais, eu teria largado aquele emprego que não gostava, eu teria morado fora do país, eu teria vivido mais.
Cheguei aos trinta anos escolhendo ser feliz todos os dias, compartilhar as tarefas do lar com o meu companheiro me faz feliz, poder brincar com meu filho a qualquer hora do dia me faz feliz.

Meus planos para esse ano?
– Praticar atividades físicas;
– Iniciar minha marca infantil
– Aprender mais sobre fotografia

Que seja um ano leve para todos.

 

Processed with VSCO with c1 preset

 

 

IMG_1240

 

Publicado em Sem categoria | Deixe um comentário

2016

Apenas parem de falar mal desse ano, por favor.

Sério, foi um ano difícil pra você?  Foi nada, foi um ano fodido para politica bicho, isso sim. Se o ano foi difícil provavelmente a culpa é sua migo….Para mim foi maravilhoso, mas eu não posso usar a rede social para dizer isso. Segundo os usuários do facebook para agradecer se deve ir a Aparecida do Norte, ali só serve para reclamar mesmo!

Eu penso em escrever aqui no blog quase todo dia, mas a paternidade, a casa, os bottons, as bandas e os desenhos me tomam todo o tempo…vou começar a anotar os temas para os próximos posts para não esquecer…mas hoje tenho que falar sobre esse ano incrível que esta acabando e só tenho lida abobrinhas por ae.

Em Fevereiro desse ano eu deixei de ser o Shamil para ser Pai do Valentim. O que significa que fazem 10 meses que tudo mudou. Que sou muito feliz, mas muito cansado ao mesmo tempo. Que não descanso nunca mas sou recompensado com sorrisos maravilhosos. Que minhas costas travam as vezes mas ganho gargalhadas que me manterão afastado de qualquer terapia pelos próximos anos! Talvez eu tenha muita mas muita sorte, mas acho que o Valentim é a criança mais maravilhosa do mundo…

img_7297

Timtim com 1 minuto de vida

Bom, isso já me valeria o ano todo…cada mês de desenvolvimento dele, cada consulta no médico (e ver como ele tem crescido e engordado super bem #goveggiebaby porra), a primeira fruta, primeira comida, os dentinhos ❤  , quando ficou de pé a primeira vez e na madrugada do natal ele ainda deu 3 passinhos de presente para nós! Mas calma que esse ano não foi só Timtim, ele foi 95% mas ainda tem outras coisas para falar…

Em 2016 eu voltei a desenhar, eu sempre amei desenhar, mas eu entrava naquela que não tinha tempo pois tava trabalhando…até que dia 03/01/2016 estava totalmente a toa na casa dos meus sogros e peguei um papel….falei “Lala me pede um desenho” e ela pediu um Flamingo. E eu postei brincando como se fosse tatuador e aquele desenho estivesse disponível…os likes me deixaram animado hein…no mesmo dia desenhei um BMO com umas referencias de Tattoos também e ali acendeu a chaminha em mim. De lá pra cá desenhei capa do CD do Nada em Vão, 3 Quadros por encomenda (inclusive teve uns que nem postei), Camiseta para a campanha da Vegan Week, 3 Poster exclusivos para o SPVeg, fiz 1 expo, alguns flyers e emocionei umas 3 pessoas com desenhos espontâneos. Tem valido MUITO a pena pegar minha prancheta, minha lapiseira e borracha nos tempos vagos!

img_6748

o primeiro desenho da volta!

Ah em 2016 eu tatuei também, graças ao meu amigo Adriano e sua companheira Marina já fiz 4 trampos, eu sonhava em ser tatuador quando comecei a me cagar todo com tatuagens mas não confiava em mim mesmo, até que decidi confiar e tentar. Hoje eu agradeço a Pri, Chero, Nicolas e Lala por também confiarem =)

img_9162

Minha Primeira foi na Pri ❤

Olha só já foram 3 coisas realmente legais esse ano né, mas ainda tem mais…

Em 2016 conseguimos finalmente morar junto, plano que os cafonas aqui faziam a uns 5 anos e nunca dava certo…e ainda bem que em 2015 a gente começou a guardar dinheiro né, porque gastamos tudo que tínhamos para deixar o Apartamento 14 com a nossa cara…Alias senão fosse os nossos pais e o apoio financeiro deles ia ter ficado coisas faltando. Sempre temos algo na cabeça para fazer, mas isso não impede que as vezes (poucas vezes) que conseguimos sentar só nos dois no sofá, um de nós solte quase sem querer: “eu gosto da nossa casinha”.

Vou ter que assumir aqui que morar sem mãezinha pra cuidar da gente não é fácil, parece que sempre tem algo pra fazer, lavar cueca, passar pano na casa, limpar fogão, cozinhar de novo, pregar um quadro, arrumar o pezinho da cadeira, colar a orelha do brinquedo que o Valentim quebrou , esconder os discos para ele não come-los, passar a camisa florida e o mais terrível de todos: Lavar o Banheiro!

Mas é uma delicia quando a Pri me abraça na nossa cama a noite e fala “ai que gostoooooso”, é foda sabe. É nossa casa, nosso cantinho ❤

img_8982

Meliante sendo atuado em Flagrante 

Em 2016 também resolvi melhorar minha saúde.

Quando liberaram o apto pra gente, fizemos orçamentos de pintura e seria muito caro, qual a solução? DIY! Nunca tinha feito isso e lá fui eu, lixar, rebocar, argamassa, lixar as portas na mão, passar pano nas paredes e pintar tudo! Acabou que emagreci 4kg de tanto que suava aqui…bom, já vinha da casa dos meus pais até o apto a pé todos os dias, ae resolvi voltar a caminhar…depois de um tempo meu amigo Franz do Força Vegana começou a me ajudar a correr, mas graças as trocas de rotinas do Timtim eu não consigo fazer exercícios todos os dias…mas mantenho sempre que possível.

Depois de assistir vários documentários sobre alimentação infantil, aqui em casa resolvemos melhorar nossa a alimentação. Diminuímos o Sal, praticamente cortamos o açúcar, não compramos mais refrigerantes, não tem chocolate no café da manhã e não compramos pão francês. Aos poucos estamos tirando nossos vícios diários e estamos tentando nos afastar ao máximo dos alimentos industrializados…o objetivo é gastar mais na feira (só o pastel e caldo de cana que não da pra abrir mão né gente) do que no mercado!

Conclusão: em 1 ano foram 12 Quilos embora! Ainda faltam uns 15 para chegar ao objetivo da vida, mas já me sinto bem melhor, tenho mais folego nos shows e não ligo de ir para a casa dos meus pais a pé que dura 25min de caminhada e economizar 7,50 que gastaria no Uber!

Processed with VSCO with c1 preset

Eu poderia escolher outra foto do ano passado, mais gordo, mas essa a Lala tá tão feia que resolvi usa-la =) e a foto mais magro tem o Timtim para garantir que vocês continuem lendo.

Fora isso tudo ae gente, o Horace Green só me trouxe alegria, toquei com o H2O e conheci o Toby Morse, gravei um clipe foda com o Kump e em toda cidade que tocamos tinha pelo menos 1 pessoa cantando o Jazz inteiro, o que me mata de orgulho, fizemos o show de lançamento oficial do disco no Rock Together e foi foda, fiquei uma semana rindo a toa. O Faca Preta tocou bem, gravou um clipe que ainda não saiu e lançou musica nova que abriu a maior coletânea de Street Punk do Brasil, trocamos de baterista e to feliz demais com as duas bandas. Que mais? Pulei de cima do carro de som do Bloco 77, voltei a ler bastante, virei fã do Bita, vimos o Descendents, pude ver minhas avós segurando meu filho e vi o amor espalhar fortemente a minha volta, me aproximei de pessoas que sempre admirei e me afastei de todos que apoiam Bolsonaro!

Já tá bom né… Bom politicamente eu posso brigar, posso chorar a perda do Bowie, Prince e George Michael mas a maior perda que tivemos esse ano foi do Seu João Josefick, grande homem que ainda nos deixa uma saudades…mas no fim das contas esse ano foi foda…minha companheira de vida também acha isso, não só pelo Timtim mas por como ela mudou! Mas vou deixar pra ela escrever sobre.

Sobres minhas metas desse ano, só não alcancei duas que deixo para ano que vem.

Metas para 2017:
– Aprender a andar e comprar uma Bike
– Comprar um bom violão
– Comprar um carro
– Me dedicar mais a Stay Free
– Conseguir me sustentar com as tatuagens
– Correr uma Maratona

Por um 2017 com mais tinta e menos bottons =)

 

Processed with VSCO with m5 preset

Até ano que vem amics!
assinatura Sha

Publicado em Até a Próxima Parada | Deixe um comentário

7 anos

Oi pessoal, quanto tempo que a gente não escreve aqui né…

Mas hoje eu não podia deixar passar em branco, hoje faz 7 anos que estávamos na festa de aniversário da Laurão, priminha da Pri, e ela começou a me cobrar que já conhecia a família dela inteira e mesmo assim ainda não eramos namorados. Eu tentei fugir de rótulos, falei que não era o status de relacionamento do facebook que ia definir o que sentimos…mas não teve jeito hahahahaha No meio dessa conversa eu falei “tá bom vai”, me ajoelhei e disse: “você quer namorar comigo?”

Desde então faz 7 anos que ela espera que eu a peça em casamento a qualquer momento, tadinha!

Processed with VSCO with c1 preset

Mas algumas coisas mudaram desde daquele dia. Eu fiquei mais careca, emagreci e engordei tudo de novo e me cobri de tatuagens. Ela deixou de ser apenas aquela menina encantada da vida, que só pensava em sair para virar um mulherão, com jeitinho de menina ainda devido a cara de criança né…mas sim, uma grande mulher!

Crescemos juntos na vida, aprendemos a equilibrar sonhos com a realidade. Eu aprendi a colocar o pé no chão e ela aprendeu a tirar um pouco. Juntos evoluímos muito, depois de tanto tempo finalmente fomos ter nosso cantinho, só nosso. Mas durou pouco, depois de 2 semanas morando juntos, veio um cara morar com a gente e não sai nunca mais. Um tal de Valentim, vocês conhecem?

Processed with VSCO with c1 preset

Esse homenzinho ae chegou chegando, nunca mais fomos os mesmos e isso é Maravilhoso!

Agora nossas datas especiais são comemoradas a 3 (no dia dos namorados foi até mais que isso, a Lala passou junto com a gente), agora pensamos em almoço e eu procuro lugares que tenha área kids, agora preferimos parques e passeios matinais e namoramos juntinhos quando ele dorme…a vida é assim, aproveitamos bem juntos e agora aproveitamos com ele.

O importante é que ainda somos nós, sempre seremos! Nosso amor tava tão grande que precisou de mais uma pessoa para compartilhar isso com a gente, talvez em alguns anos precisaremos externar mais um cafoninha né quem sabe…enquanto formos eu e você, namorados, agarradinhos…acho que tudo vai dar certo no final. E se não deu é porque ainda não é o final.

Obrigado Pri por todos esses anos, obrigado por me dar o Timtim e mesmo que nem todos os dias sejam bons, façamos os dias ruins mais amenos rindo um pouco de nós mesmos!
Te amo!

assinatura Sha

Publicado em We | Deixe um comentário

Papel do pai 2 – a Missão

Sim, foi me dada um missão e eu como bom soldado tenho que cumpri-la, sem cansaço, sem reclamação e sem lagrimas. Mas só tem um porem, eu não sou um bom soldado (eu na verdade odeio tudo quanto é tipo de forças armadas hehehe), eu sou só um semi-jovem de 33 anos tentando ser o melhor pai que eu puder…e aqui vai me relato da ultima semana.

IMG_5240

Segunda-feira foi inevitável, a Pri teve que voltar ao trabalho. Talvez seja por pouco tempo, nos escolhemos ser felizes e com minha companheira passando 14h longe de mim e da sua pequena cria, acho que seria impossível né…as consequências? Saberemos com o passar do tempo, mas agora sabemos que é o certo a se fazer. Dito isso e um tchau as 06:30 da manha do dia 08/08 começou minha nova aventura. Tive 5 meses ao lado do pixoxó para aprender suas manhas e birras, mas agora não teríamos o peito da mãe para alimenta-lo e dar conforto! A solução que encontramos foi a Pri tirar o leite e congelar, e dar frutas nos intervalos de “mamadas”.

Só queria contar que o máximo de tempo que tínhamos passados só nos dois, tinham sido 6h e quando a Pri chegou em casa ele estava chorando a 2h continuas e eu estava a-ca-ba-do, não conseguia nem ao menos conversar com ela!

Mas quem topa o desafio tem que encarar não é mesmo? #nahoradefazertavagostoso

IMG_4928

Bom, obvio que o primeiro dia foi difícil. Ele não tomava direito o leite no copinho, escolhemos o copinho ao invés de mamadeira para ele não desistir de mamar no peito da mãe. Ele mal comeu as frutas, mesmo dando o mamão que ele já tinha adorado. Ele não tirou seus cochilos durante o dia, afinal o costume era dormir no colo da mãe mamando né…ou seja, eu definiria meu dia em CHORO! tipo MUITAS LAGRIMAS mesmo e com o cair da noite, só piora.

Na terça para piorar um pouco eu tinha pedidos de bottons para fazer, trouxe tudo para casa e minha tia veio me ajudar, ainda voltei a ensaiar com o Horace Green essa semana, cheguei a 01h da manha nesse dia, os pedidos dos bottons foram por correio (que não é perto de casa), estava com desenhos atrasados, sem contar que preciso preparar mais peças para minha primeira expo dia 20…ou seja, tava foda essa semana. Se dei um jeito? Estamos aqui, vivos né mas vamos ser sinceros é muito mais difícil cuidar de um bebe do que a gente tá acostumado a ver nas propagandas da Pampers né, eles querem tudo na hora deles. O Valentim mesmo desse tamanhico já prefere Bita a Galinha Pintadinha, e tem acordado as 06:30 talvez para dar um tchau para mãe pela manhã. Mais que um cachorro que espera o dia inteiro sua hora de passear, quando ele fica com sono ou entediado, passear é minha unica opção viável a se fazer e essa semana como tava aqui em SP? FRIO! Só fez frio, e para tirar ele com esse frio? Haja Touca e cobertor…haja água e eletricidade para lavar a quantidade enormes de babadores e fraldinhas (os paninhos para limpar boca) agora com a nova alimentação. E o ColicCalm, voltou a ativa aqui hein, com nova comida veio um novo coco que tem que fazer força, uns peidos altos e tudo isso incomoda muito ele. Papai aqui só pode pegar no colo, tentar acalmar e me manter calmo, esse é o mais difícil inclusive.

Foi foda!

Mas heis que quarta a tarde/noite ele ficou mais calmo, dormiu legal, comeu bem. Poxa foi ok, talvez ele já se acostumou comigo…na quinta, quando a Pri chegou do trabalho ele estava deitadinho vendo desenho enquanto eu cozinhava, ou seja, família Doriana! Tudo perfeito (só os papeis de papai e mamãe que foram invertidos hehehehe)…já hoje ele ta manhoso, chorando mais que o normal. E eu? to me dividindo para conseguir fazer tudo…mas posso falar to sendo feliz demais assim.
É Obvio que vai ficar mais fácil quando a Pri voltar, porque vamos dividir as tarefas todas, mas até lá vou me apertar um pouco e ficar mais próximo do pequeno, que alias acabou de acordar e não quer que eu fique longe dele não…vou ter que parar por aqui

Processed with VSCO with c1 preset

Só fica a dica que PAI NÃO AJUDA, PAI FAZ! e parem de duvidar que só porque sou homem eu não iria conseguir, GENDER IS OVER! Aqui tem amor demais, amor que supera o medo, supera o cansaço e me da mais que forças, me da paciência. Eu te amo pixoxó, calma que o teu colo já tá indo!

assinatura Sha

Publicado em Maternidade | Deixe um comentário